Dedicato a…

 

Quando sinto-me triste penso em você.

Quando sinto que as pessoas esqueceram a razão da obrigação que temos de

propocionar a paz a todos,  penso que bem distante de mim estás você e que mesmo distante

as lembranças fortes e verdadeiras me faz tranformar as pessoas, o mundo, a vida em algo belo,

simples, claro e raro como a paz.

 

0 commenti su “Dedicato a…”

Lascia un commento

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato. I campi obbligatori sono contrassegnati *